O que faz a maçã por nós?!

A maçã é indiscutivelmente a fruta há mais tempo defendida em termos de saúde e bem estar, quer seja por médicos, nutricionistas ou enfermeiros, não fosse a velha máxima anglo-saxónica “an apple a day keeps the doctor away”!
E nós, portugueses, temos tão boa maçã nacional!


A realidade é que esta fruta de sabor agradável e baixo valor energético (baixo em calorias), tem um teor de açúcares moderado, é rica em fibra (solúvel e insolúvel) e isenta de gorduras, apresentando doses consideráveis de vitamina C e outros antioxidantes. É também uma excelente fornecedora de água e sais minerais, onde se inclui sobretudo o potássio mas não só.


A sua composição peculiar faz desta fruta uma excelente aliada das dietas de emagrecimento ou manutenção de peso saudável, mas não se deixa ficar por aqui. Na sua casca, para além dos elevados teores em fibra referidos, conseguimos encontrar também quercetina (um flavonóide com papel antialérgico). A polpa é rica em pectina, fibra com ação estimulante do intestino, emoliente e protetora do tubo digestivo. Não esquecendo as procianidinas e antocianidinas, com ação antioxidante  venotónica, protetora das artérias e neuroprotetora.


Os fitoquímicos (compostos químicos bioactivos) existentes na maçã parecem modular o metabolismo humano de um modo favorável à prevenção de doenças, sobretudo na prevenção do cancro e das doenças cardiovasculares. Apresenta ainda um papel comprovado no abaixamento de colesterol, manutenção dos níveis saudáveis de gorduras sanguíneas e redução do risco de diabetes mellitus.


O seu consumo regular pode ter uma ação anticancerígena, anti-inflamatória, assim como um efeito ao nível do sistema imunitário. Oferece componentes antioxidantes com ação cicatrizante e regeneradora dos tecidos, principalmente da mucosa gastrointestinal.

Enfim… os seus benefícios são a perder de vista!
Mas a juntar a todos estes componentes altamente salutares, o facto de se tratar de um alimento fácil de transportar e de consumir em qualquer lugar torna esta fruta num alimento portátil, prático que se encaixa na vida da maior parte das pessoas. Crua, cozida ou desidratada, a maçã, assume as mais variadas formas e sabores. Inteira, com ou sem casca, em rodelas, em doces ou em puré entra nos mais variados pratos e em várias refeições desde as idades mais tenras.
Fica bem crua em saladas frias, como snack a meio da tarde, ou como acompanhamento assada, cozida ou sob a forma de puré. Se lhe juntarmos um pouco de canela fica divinal e se não adicionarmos excesso de açúcar pode até ser uma sobremesa bastante equilibrada.
Trata-se realmente na fruta dos 7 ofícios, pau para toda a obra!

Temos em Portugal excelente produção deste fruto e desde há muito que tento defender o que é nosso optando sempre que possível na compra de alimentos produzidos em Portugal, por produtores nacionais.
 
Na região de Alcobaça encontramos uma das minhas maçãs preferidas! Nesta zona e sob a designação comercial de Maçãs de Alcobaça, são produzidas algumas variedades de maçãs que, partilham características nutricionais comuns, embora cada variedade tenha a sua composição nutricional individual e distinta com diferentes teores de alguns nutrientes.

Descubra-as e nunca se esqueça que apostar numa alimentação equilibrada, rica em frutas e vegetais, pode ser o primeiro passo para evitar facturas com a saúde, médicos e medicamentos num médio longo prazo. Acho que vale a pena investir em si e no seu bem estar. Coma bem e viva cada vez melhor!


Lillian Barros
Nutricionista Clínica
Autora do Livro Sumos e Águas Detox (Esfera dos Livros)
Autora do Blogue SANTA MELANCIA (www.santamelancia.blogspot.com)

FACEBOOK: www.facebook.com/lillianbarros
INSTAGRAM: @nutricionistalillian
SITE: www.lillianbarros.com


ASSOCIAÇÃO DOS PRODUTORES DE MAÇÃ DE ALCOBAÇA - Entidade Gestora da Indicação Geográfica Protegida "Maçã de Alcobaça"
Apartado 23 EC Bairro dos Arcos 2510-081 Óbidos | Para assuntos da APMA: maca.alcobaca@gmail.com | Para assuntos do Clube: geral@clubedamaca.pt




Plataforma sharpNet © CONPLAN

Para uma correta visualização deste Portal e de todas as suas funcionalidades recomenda-se a utilização da ultima versão do browser (Internet Explorer, Google Chrome, etc)